Trombone – João Luiz Areias (SP)

Primeiro Trombone Assistente da Orquestra Petrobrás Sinfônica, atua como membro do Board of Advisers da International Trombone Association (2006-2011) e participou como presidente reeleito da Associação Brasileira de Trombonistas (2003/2005) e (2005/2007). Ocupou a cadeira de Primeiro Trombonista da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal do Rio de Janeiro de 1994 até julho de 2006 quando se tornou Professor da Universidade do Rio de Janeiro (UNIRIO), atua como camerista junto ao Quinteto Música a 5, Grupo Música Nova, Metal Transformação , Quinteto Quinta Metálica e Quarteto Brasileiro de Trombones , com o qual gravou o CD “Tributo a Gilberto Gagliardi”.Bacharel em Trombone pela Escola de Música da UFRJ , foi duas vezes vencedor do Concurso para Solistas da Orquestra Sinfônica da Escola de Música da UFRJ (1995/1997) , além de obter o III Prêmio no II Concurso Weril para Instrumentos de Sopro , Menção Honrosa no II Concurso Talentos Rádio MEC , sendo ainda vencedor do Concurso Jeunesses Musicales World Orchestra (1996/1997), com a qual excursionou pela Europa.Em 1998 participou como 1º Trombone solista da Orquestra Jovem do Mercosul , excursionando pela América Latina em 2002 . Em 2000 e 2006 participou do International Exchange Program da Georgia University tendo apresentado recitais no final do Curso . Foi professor da Escola de Música da UFRJ por dois anos como convidado e ministrou vários cursos pelo país como por exemplo Festival de Música de Santa Maria, Festival de Música de Ouro Branco, Festival de Música da Unisinos, Mostra Internacional de Música de Olinda,Festival de Música de Curitiba,entre outros . Atualmente se apresenta como solista e camerista em todo do Brasil , além de lecionar palestras em vários Estados . Em Outubro de 2005 foi aprovado em primeiro lugarem concurso público para Professor de Trombone da Universidade do Rio de Janeiro – UNIRIO – abrindo a cadeira de Trombone nesta Universidade.Na Música popular se destaca pela participação em musicais (Company , Ópera do Malandro, Orfeu da Conceição e outros) em gravações e shows com grandes nomes da MPB, como exemplo, Chico Buarque, Edu Lobo, Emílio Santiago, Fafá de Belém, Zeca Pagodinho entre outros.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: